Surfista Voluntário | Cape Town

SE Cape Town 2SE Cape Town 3SE Cape Town[1]banner01Colorful beach shacks at Muizenbergbanner03OLYMPUS DIGITAL CAMERAbanner05banner06banner07banner08banner09banner10banner11banner12banner13banner14Surf Pop 1Surf Pop 2Surf Pop 3Surf Pop 4Surf Pop 5Surf Pop 6Surf Pop 7Surf Pop 8Surf Pop 9Surf Pop 10Surf Pop 11

Descrição

O projeto visa o trabalho voluntario junto às crianças de comunidades carentes da praia de Muizenberg, na cidade de Cape Town, proporcionando às mesmas a interação com o meio ambiente e a prática do surf.

Infelizmente a África do Sul sofre com uma enorme desigualdade social, herança esta do Apartheid Sul Africano, que apenas teve o seu fim no ano de 1994. Sob essa ótica, auxiliar estas crianças na prática de um esporte, pode implicar uma nova perspectiva de vida, trazida pelo amor ao surf e ao meio ambiente. Há uma grande necessidade de voluntários para ajudar as crianças dessas comunidades carentes, que são confrontadas diariamente com problemas de cunho social e econômico.

O projeto, além das atividades com a comunidade local que visam o ensino e democratização da cultura e prática do surf para crianças carentes, contempla dias livres para surfar nas diversas opções de ondas em Cape Town e conhecer as belezas naturais exuberantes da região. São oferecidos passeios durante os fins de semanas pela região de Cape Town e Eastern Cape, onde é possível fazer Safaris, Road and Surf trip pela Garden Route (um dos mais belos destinos do país), “Wine Tour” na região de Stellenbosh, parque nacional da Table Mountain e Cape Point, entre outros.

“Além de ser capaz de influenciar essa nova visão da vida, queremos compartilhar o prazer de surfar. Você vai ser capaz de absorver esse conhecimento e aplicá-lo através de sessões de surf interativas com as crianças. Queremos usar o surf como uma forma de comunicação e inspiração. Isso é algo muito mais original do que qualquer outra forma de ações voluntárias. Queremos dar-lhes algo para olhar a frente; dar-lhes esperança; mostrar-lhes compaixão; e o mais importante, colocar sorrisos enormes em seus rostos.” – Daniel ‘Bongi’ / Coordenador do projeto.